sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

Um jeito diferente de olhar

Sonhado por Karynha às 11:09
E aí? 
Não sei se vocês estão acompanhando nos jornais a repercução do caso da manifestação de estudantes aqui no Espirito Santo por causa do aumento da passagem do coletivo, começou quarta feira (11/01) e talvez vocês estejam se perguntando por que eu estou falando disso nesse blog que é de poesia, mas eu tinha que compartilhar com vocês algo que o governo teima em jogar para debaixo do tapete.


Hoje teve manifestação de novo, os policiais adiantaram-se e foram na frente, então os estudantes mudaram a rota e pararam em outra estrada, uma ainda mais movimentada, ou seja foi ainda pior, muita gente chegou horas atrasados aqui no trabalho reclamando que o transito tava um inferno, mas eu acho bem feito para esses cegos, parece que só nós (os jovens) conseguimos ver a realidade, que salário de deputado é um absurdo e só por que o nosso salário mínimo aumentou vergonhosos R$ 75,00 tudo deve subir junto, nossa eu tô tão indignada que minha vontade nesses dias têm sido sair do meu trabalho correndo (por que eu moro no outro sentido do estado e não passo pelas vias principais que estão sendo bloqueadas) e ir protestar com eles, deu vontade de chorar quando vi nos jornais a covardia que os policiais fazem, jogam spray de pimenta no povo, bala de boracha e inúmeros outros meios de tortura, mas no jornal eles continuam afirmando que não houve abuso por parte das autoridades, como assim? Quer dizer que esses deputados de merda ( desculpa a expressão) podem desfilar por aí em suas lindas mercedes e nós que somos os pobres que giramos a manivela para gerar o dinheiro deles, podemos no expremer em ônibus desconfortáveis e perigosos ( sim por que tem cada ônibus caindo aos pedaços que a gente entra neles rezando para eles não desmontarem na próxima curva) e ainda pegar R$ 0,15 a mais de passagem, que na verdade são R$0,30 por dia (pois é ida e volta) e assim vai, 0 preço açucar sobe, do feijão sobe, do arroz sobe e a dignidade do povo brasileiro e pobre continua lá em baixo.
Tudo isso por que nós temos que trabalhar 10 horas por dia, calados, oprimidos, comendo o pão que o patrão amassa com a pata, sem sequer poder protestar por algo que tá doendo na gente, não só no bolso, mas na dignidade, na alma, no coração.

Sabe o que me deixa mais indignada? É a época de eleição, aí aquele bando de hipócrita começa a dizer que é do povo e que dessa vez o Brasil vai pra frente, quando na verdade nem 2% deles sabem o que é ser "o povo", o que é ser pai de família e ter que sustentar seus filhos com as migalhas suadas que ganhamos no fim do mês e ainda por cima ter que mostrar para os pequenos que vale à pena ser honesto, que é feio roubar e que esse mês faltou o pão de manhã por que a farinha subiu no mercado e o pai tá sem dinheiro para comprar até o arroz.


E no fim tá todo mundo preocupado por que se atrasou para chegar no trabalho, logo depois vem o carnaval, essa festa idiota que de popular não tem nada, só participa das folias de verdade quem tem o dinheiro para o abadá ou para o ingresso dos camarotes e o povo vai pular na avenida, beber até cair e matar dezenas no trânsito, por que pobre meu Deus, é conformado demais e enquanto os cantores baianos e os donos de cerveijaria enchem o bolso do dinheiro do povo os ricos estão nos camarotes assistindo o circo.


Isso pra mim é uma vergonha e eu não pretendo em nenhuma hipotese compactuar com esse porcos imundos da elite, eu sim sou do povo e sei o que é essa vontade dentro do peito de lutar pelos direitos dessa gente tão sofrida.


Gente essa é a minha opinião e eu gostaria demais que vocês compartilhassem a de vocês, é realmente importante saber o que você s pensam.

2 Comentários:

Tom Vital on 13 de janeiro de 2012 14:28 disse...

Parabéns é dever do poeta não apenas cantar a tristeza e a alegria.Mas sim ajudar a melhorar o
mundo pelo menos é o que eu penso.Parabéns pela indignação com tanta injustiça,tamanha violência.
Enquanto existir pessoas como você e esses jovens que foram para a rua protestar haverá a esperança de um dia melhorar esse Brasil.Para todos.
Até que enfim descobri que você é Capixaba!Será?
Tinha uma enorme curiosidade de saber de onde você escreve...Rsrs.Agora sei!
Abraços poéticos.

Frederico Salvo on 14 de janeiro de 2012 17:54 disse...

Olá, Karen!
Assino embaixo da sua indignação.
Parabéns pelo blog.
Aproveito para agradecer os seus generosos comentários sobre minhas poesias.
Um beijo.
Frederico Salvo

Postar um comentário

Preciosidades.

 

Um pouco além Copyright © 2011 Design by Ipietoon Blogger Template | web hosting